Senador Styvenson Valentim acusa profissionais da saúde de roubar vacinas

O senador Styvenson Valentim, do Podemos/RN, acusou trabalhadores do roubo de vacinas ocorrido em uma Unidade Básica de Saúde (UBS) na manhã da segunda-feira (22), na zona sul de Natal. 

Por meio de sua conta no Instagram, o senador fez acusações aos profissionais da saúde: “Não bastava os profissionais da saúde fingindo que aplicava injeção pra ficar com ela… agora perderam a timidez e partiram pro assalto. Imagina quanto num tá valendo uma vacina dessa ? Agora pensa aí se num já tem comprador ? Produto escasso, que salva uma vida, em lugar fácil de entrar pra roubar. Falta mais nada agora as vacinas terão escolta armada ou ficaram em cofres de banco”.

Revoltados e com razão, os profissionais da saúde emitiram uma nota de repúdio em resposta às acusações do Senador Styvenson: 

NOTA DE REPÚDIO DAS TRABALHADORAS E TRABALHADORES DA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE DE PONTA NEGRA AO SENADOR STYVENSON VALENTIM (PODEMOS):

Nós, trabalhadoras e trabalhadores da UBS de Ponta Negra, Natal RN, vimos pela presente nota expressar profundo repúdio às declarações do Senhor Senador Styvenson Valentim, cujo acusa, de maneira absolutamente leviana e generalizada os “profissionais da saúde” de “fingir que aplicam injeção”, em referência à vacinação contra Covid-19, e ainda, aponta de maneira grosseira e irresponsável que “perderam a timidez e partiram para o assalto”, em uma colocação dúbia e que claramente possibilita o entendimento de que as(os) próprias(os) profissionais teriam participado de uma possível fraude na vacinação e que ainda estariam envolvidos no assalto sofrido na última segunda-feira (22), com violência e de maneira traumática para todas(os).

Somos profissionais de saúde da linha de frente, há mais de um ano damos nosso sangue, lágrimas e suor na luta incansável de promover saúde e conscientizar a população acerca da pandemia que nos assola e nos tira entes queridos de forma abrupta e profundamente dolorosa. 

Carregamos o peso de seguir atuando sob o risco de contaminação, de levar o vírus para familiares e ainda, sob um imenso desgaste físico e mental. 

Como se não bastasse, sofremos um violento assalto que nos pôs sob a mira de armas de fogo, agressão física e psicológica que deixou profundas marcas emocionais em cada uma e em cada um. Não é admissível que esta grande violência seja estendida ainda mais, agora para a esfera virtual, gerando suspeitas e novos riscos de mais violência.

Por isto tudo, exigimos uma retratação por parte do Senhor Senador Styvenson, que enquanto autoridade da república deveria zelar pela ordem e a responsabilidade na comunicação, visto que suas colocações podem impactar de maneira extremamente sensível a própria segurança das(os) trabalhadoras(os) alvos de sua publicação, o que, por consequência, impacta também na assistência à população que este deveria representar, com dignidade e decoro.

Trabalhadoras e trabalhadores da Unidade Básica de Saúde de Ponta Negra, Natal RN.

Roubo de vacinas

Homens armados invadiram uma UBS na Vila de Ponta Negra e roubaram duas ampolas de vacinas que seriam utilizadas na imunização contra a Covid-19. 

O lote roubado continha 20 doses da Coronavac. Três suspeitos foram presos pela Polícia Militar do Rio Grande do Norte (PMRN).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s